Águas do Norte selecionada para as três finalistas do Prémio Abertura 2021

A Associação de Empresas de Software Open Source Portuguesas (ESOP) divulgou os nomeados ao Prémio Abertura 2021, devendo o respetivo vencedor ser conhecido já no próximo mês. 

Este prémio anual é entregue pela ESOP às entidades que se evidenciaram pela utilização e adoção de tecnologias Open Source, ou que contribuíram para a sua divulgação e dinamização. O vencedor será anunciado no evento Open Source Lisbon, a realizar proximamente. 

O projeto nomeado desenvolvido pela Águas do Norte é o AdN4.0+: Aumento da eficiência dos serviços através da reengenharia e desmaterialização de processos, sendo os dois restantes associados ao Centro de Formação da Associação Nacional de Professores de Informática – ANPRI: com o projeto CF-ANPRI e ao SNIAC (Sistema Nacional de Identificação e Autenticação Civil de Cabo Verde) e INCM (Imprensa Nacional – Casa da Moeda, SA): com o projeto Middleware para utilização de documentos eletrónicos de Cabo Verde.

O Prémio Abertura é entregue anualmente no Open Source Lisbon, e visa distinguir as entidades que se evidenciaram pela utilização e adoção de tecnologias Open Source ou que contribuíram para a sua divulgação e dinamização.

A Águas do Norte, através da adoção de tecnologias Open Source do fabricante IPBRICK (Iportaldoc), tem vindo a desenvolver e disponibilizar serviços digitais, contribuindo, desse modo, para a desburocratização e gestão eficiente de documentos e processos. Este trabalho coletivo tem como um dos seus principais objetivos o desenvolvimento da eficácia e eficiência da empresa, através do aumento da celeridade dos seus serviços por via da implementação e utilização de tecnologias de informação modernas e adequadas às necessidades da organização.

Desta forma, de entre os principais processos internos que foram intervencionados, poderão destacar-se os relativos às Reclamações, à Contratação Pública, às Empreitadas, ao Sistema de Gestão da Qualidade, à Inovação, às Expropriações, às Fichas do Município, à Gestão de Contratos, às Atas de Reunião, aos Sinistros, às Ocorrências e ao Sistema Integrado de Gestão. Foi ainda considerado o facto de esta solução incluir mecanismos de interoperabilidade com outros sistemas de serviços e informação.

A Águas do Norte integra o Grupo AdP – Águas de Portugal e iniciou a atividade a 30 de junho de 2015 e, enquanto entidade concessionária do sistema multimunicipal de abastecimento de água e de saneamento do Norte de Portugal, em “alta”, é responsável pela captação, tratamento e abastecimento de água para consumo público e pela recolha, tratamento e rejeição de efluentes domésticos, urbanos e industriais em 63 Municípios que integram este sistema.


Assume ainda a exploração e gestão do sistema de águas da região do Noroeste, em “baixa”, que envolve 8 Municípios da região, reunindo numa única entidade gestora, os serviços de abastecimento de água e de saneamento de águas residuais em “alta” (prestados aos Municípios) e em “baixa” (prestados aos utilizadores finais, os munícipes), de forma regular, contínua e eficiente.

Menu