Autarca de Boticas faz ponto da situação relativamente ao desemprego na região Norte

O Presidente da Câmara de Boticas, Fernando Queiroga, participou na passada segunda-feira, dia 22 de fevereiro, em representação da Associação Nacional dos Municípios Portugueses (ANMP), numa reunião do Conselho Consultivo Regional do Norte do Instituto do Emprego e Formação Profissional, IP (IEFP).

O encontro, que decorreu por videoconferência, permitiu, entre outros assuntos, fazer um ponto da situação relativamente ao desemprego na região norte, conjuntura agravada pelo atual surto pandémico de Covid-19.

Os centros de emprego registaram 186 662 novos inscritos, sendo que a taxa de desemprego no norte do país se fixou, em dezembro de 2020, nos 21,8%, constatando-se que há cada vez mais jovens sem ocupação profissional.

Para fazer face a esta situação o IEFP tem em curso um conjunto de medidas ativas de emprego, como é o caso do programa ATIVAR.PT, que visa dar uma resposta rápida e abrangente através de formação profissional, estágios profissionais e de apoios reforçados à contratação e ao empreendedorismo, disponibilizando também medidas extraordinárias de incentivo à retoma das atividades empresariais e de apoio à contratação, nomeadamente com alterações à Medida de Apoio Excecional aos Artesãos e às Unidades Produtivas Artesanais, o prolongamento e renovação do programa Regressar até 2023, entre outras.

Durante a reunião foi ainda analisada a execução financeira da despesa, verificando-se que no ano de 2019 foram pagos em apoios mais de 156 milhões de euros e em 2020 o total ultrapassou os 290 milhões de euros.

O Presidente da Câmara de Boticas, Fernando Queiroga, mostrou-se preocupado com os números do desemprego, referindo que “se espera que a retoma gradual das atividades económicas se possa refletir numa descida do desemprego no país, sobretudo na região norte”.

Menu