Condenado cidadão que ameaçou Rui Santos nas redes sociais

No passado mês de janeiro de 2020, na sequência do início das obras de reabilitação da Avenida Carvalho Araújo, um cidadão decidiu insultar e ameaçar o Presidente do Município de Vila Real nas redes sociais. Numa sequência de comentários públicos, foram escritos insultos pessoais a Rui Santos, para além de ameaças contra a sua vida e de referências à sua família.

Tal como foi divulgado na altura, o Presidente do Município decidiu processar judicialmente o autor dos insultos e ameaças, considerando inaceitável ser vítima dos mesmos pelo desempenho das suas funções públicas. O processo judicial terminou agora com a condenação do acusado por “crime de difamação com publicidade agravado” e “um crime de ameaça agravado”. Esta condenação, implicará o pagamento de uma multa, para além de uma indeminização ao visado pelas ameaças e insultos.

A discordância de opiniões e a discussão de pontos de vista são saudáveis em democracia, para além de serem um direito inalienável de todos os cidadãos. Pelo contrário, as ameaças e insultos não podem tornar-se uma forma normal de intervenção cívica, nem podem ser tolerados numa sociedade equilibrada. O Município de Vila Real apela a todas as cidadãs e a todos os cidadãos para que intervenham na vida comunitária e política de uma maneira correta e informada, evitando a repetição deste tipo de situações.

Fonte – Gabinete de Comunicação da CMVR

Fotografia de arquivo

Menu