Companhia de teatro “A Tanga” estreou-se em Mesão Frio


Numa produção da companhia teatral mais recentemente criada – «A Tanga» – subiu ao palco do Auditório Municipal de Mesão Frio, durante o passado fim de semana, dia 16 de fevereiro, a comédia intitulada «O Calhau». O espetáculo, baseado num texto original de Ricardo Ferreira de Almeida, contou com casa cheia e alegrou o serão da plateia que assistiu, enlevada, a uma encenação totalmente inspirada no teatro clássico greco-romano, numa fusão com elementos contemporâneos.

A companhia de teatro está a apresentar-se numa digressão regional, procurando reproduzir, com a peça «O Calhau», jogos teatrais latinos, explorando livremente as temáticas, a cinesia corporal, os enredos e a tipologia das personagens do teatro romano. Na sequência desta incursão, o município de Mesão Frio foi um dos primeiros territórios da região, a receber o coletivo teatral.

A narrativa retrata a história de um camponês que atravessa as províncias romanas para transportar a estátua da deusa Cibele, desde Panóias (santuário rupestre em Vila Real) até Roma. Ali chegado, tenta reativar o contacto com a sua apaixonada Lucrécia, hospedando-se na casa do seu amigo Caius, tendo de enfrentar os ardis de Roma que lhe complicam a vida.

Envolta numa série de peripécias, a peça produzida pelo Teatro de Vila Real, local onde teve estreia absoluta no início do mês, surge no âmbito de um protocolo estabelecido com a Direção Regional da Cultura do Norte para a execução do projeto «O Teatro e As Serras», aprovado no âmbito do Orçamento Participativo de Portugal 2017.

Menu