Covid-19: Lamego mantém-se no plano de desconfinamento

O concelho de Lamego mantém-se na mesma fase do plano de desconfinamento, correspondente às regras de 19 de abril, anunciou hoje a ministra de Estado e da Presidência, Mariana Vieira da Silva.

A atualização dos municípios é feita semanalmente e depende do nível de incidência da Covid-19 em cada concelho. Lamego tem registado, durante a última semana, uma tendência de descida no número de casos ativos por COVID-19 no concelho, bem como da respetiva taxa de incidência. Com base no relatório da situação mais recente divulgado pela Direção Geral da Saúde (DGS), existem 45 casos ativos no Município de Lamego e a taxa de incidência é de 233 casos por 100 mil habitantes.

Em simultâneo, também já foram vacinadas 10661 pessoas no Centro de Vacinação de Lamego, correspondentes a 41,2% da população, um valor superior à média nacional. Como medida preventiva de contenção da pandemia, foi ainda determinado o isolamento profilático dos agregados familiares dos alunos do 1º e 3º anos de escolaridade do Centro Escolar Nº1, bem como uma sala do 4º ano. Com o objetivo de seguir o resto do país no desconfinamento, o Município de Lamego, em parceria com a Autoridade de Saúde Municipal, a PSP, a GNR e o Serviço Municipal de Proteção Civil, está a reforçar as ações de sensibilização e fiscalização junto da população, em particular no Mercado Municipal e na Feira Semanal.

O objetivo é garantir o cumprimento de todas as normas higiénico-sanitárias durante a atual Situação de Calamidade. Nestes locais, os comerciantes foram ainda convidados a realizar testes de despiste à COVID-19. O Município de Lamego apela, mais uma vez, ao dever cívico de recolhimento por parte de todos os cidadãos e ao respeito escrupuloso de todas as normas de segurança.

No concelho de Lamego, continuam a aplicar-se as medidas correspondentes ao dia 19 de abril:

Permite-se a abertura de:

  • Todas as lojas e centros comerciais;
  • Restaurantes, cafés e pastelarias (com o máximo 4 pessoas por mesa no interior ou 6 por mesa em esplanadas), até às 22h30 nos dias de semana ou 13h nos fins-de-semana e feriados;
  • Cinemas, teatros, auditórios, salas de espetáculos;
  • Lojas de cidadão com atendimento presencial por marcação.

Autoriza-se a prática de:

  • Modalidades desportivas de médio risco;
  • Atividade física ao ar livre até 6 pessoas;
  • Realização de eventos exteriores com diminuição de lotação (5 pessoas por 100 m ²);
  • Casamentos e batizados com 25% de lotação.
Menu