Cultivo do linho regressou a Agarez

O cultivo do linho regressou a Agarez, na Freguesia de Vila Marim, com uma sementeira num campo experimental, realizada neste mês de maio. Esta atividade agrícola, tradicional da região, encontrava-se extinta há dezenas de anos em Agarez, terra conhecida pelos magníficos trabalhos em linho que saem dos teares das mulheres desta zona, e que se pretende que agora sejam retomados. Esta iniciativa resultou de uma parceria entre a Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro (UTAD), a Junta de Freguesia de Vila Marim e a empresa Ruralidade Verde.

Menu