Evento dá destaque aos Sabores de Chaves no primeiro fim de semana de fevereiro

Já tem data marcada a 15ª edição do “Sabores de Chaves”, uma mostra do “saber fazer ancestral” das gentes locais, com venda de produtos genuínos como o famoso fumeiro, o conceituado Presunto, o Folar e os Pastéis de Chaves, os vinhos, entre muitas outras iguarias de elevada qualidade. O evento foi apresentado, em conferência de imprensa, na empresa D´Chaves. 

Chaves estará em festa dias 31 de janeiro, 1 e 2 de fevereiro, com os sabores flavienses a ocupar lugar de destaque na gastronomia da região Norte do país, através da maior montra de promoção, venda e degustação dos diferentes produtos locais.

Para além do tradicional fumeiro – ex-libris do certame – o conceituado Presunto, o Pastel e o Folar de Chaves, o pão centeio, os vinhos, o mel e as compotas são alguns dos muitos artigos que os visitantes poderão encontrar no Pavilhão Municipal.

A edição deste ano conta com a participação de 58 expositores – 39 setor agroalimentar, 13 expositores de artesanato e seis institucionais – de venda de produtos alimentares, enchidos e artesanato, distribuídos por 60 stands, bem como três restaurantes presentes no recinto.

Pelo segundo ano consecutivo, o Chef Cordeiro aceitou o desafio lançado pelo Município e apresenta-se novamente como embaixador da gastronomia flaviense. No sábado terá lugar o showcooking e no domingo o workshop temático “Conversas ao Fogão”, um momento descontraído em que os convidados do Chef Cordeiro falarão sobre a gastronomia flaviense, hábitos e costumes locais, ao mesmo tempo que os alunos da Escola Profissional de Chaves vão cozinhando algumas iguarias para degustação.

Destaque para a realização, ao longo do certame, de vários workshops de cestaria e olaria com a Associação de Desenvolvimento de Vilar de Nantes.

36 restaurantes destacam gastronomia local durante todo o fim de semana 

36 restaurantes locais vão promover, durante este fim de semana, a gastronomia do concelho, em mais uma edição dos “Fins de Semana Gastronómicos”, uma iniciativa organizada pela Entidade Regional do Turismo do Porto e Norte de Portugal, em parceria com o Município. A ementa de eleição será composta pelo Pastel de Chaves (Indicação Geográfica Protegida), Presunto, Feijoada à Transmontana e Rabanadas. Em simultâneo, associam-se à iniciativa 16 empreendimentos turísticos. Mais informações no site da autarquia (www.chaves.pt).

Combinações para um apelativo cartão de visita, que visam atrair os visitantes, convidando-os a desfrutar de todo o concelho, rico em património, história, cultura, estâncias termais e natureza.

Evento promove iniciativa de cariz social

Este ano, uma das novidades do evento, organizado pelo Município, é a criação de um “Cabaz Social”, dando continuidade à iniciativa ““Mercado Mais Verde”, que semanalmente ocorre no Mercado Local de Produtores.

No final de cada dia do certame “Sabores de Chaves”, os produtores aderentes à iniciativa serão convidados a doar alguns dos seus produtos excedentes para este Cabaz Social, que será entregue às duas instituições de acolhimento de crianças e jovens do concelho. Uma iniciativa de cariz social, que visa sensibilizar para a importância da solidariedade social.

O programa do certame integra a apresentação do livro “Reminiscências Cripto-Judaicas nas Alheiras Transmontanas”, uma obra recentemente selecionada como o melhor livro em Portugal sobre o tema e que concorre este ano ao prémio de melhor livro do mundo sobre o tema da gastronomia e judaísmo pelos “Gourmand Awards”, os apelidados “Óscares” dos livros de investigação gastronómica.

A obra é da autoria de Mouette Barboff e divulga um olhar novo e original sobre um produto único que orgulha as suas gentes, sendo culturalmente relevante para esta região. Mouette Barboff tem uma reconhecida carreira de investigação em Portugal e no estrangeiro, com vários livros publicados.

Menu