Festival N2 regressa à cidade de Chaves com o mesmo ADN

Depois da interrupção forçada em 2020, o Festival N2 regressa à cidade de Chaves, nos dias 5, 6 e 7 de agosto, com entrada gratuita. Uma edição que ficará marcada por profundas mudanças, forçadas pelas limitações em vigor para realização de eventos ao ar livre, devido à pandemia que o mundo vive, mas que vêm reforçar o espírito nómada do Festival.

De forma a garantir a segurança de todos, o Festival N2 deixa a sua casa de sempre (o Jardim Público da cidade) num ano que é atípico, para ganhar novas paragens no moderno Museu de Arte Contemporânea Nadir Afonso e no histórico Forte de São Neutel, em. Dois espaços que asseguram a presença de vários palcos (quatro zonas/recintos diferentes) e permitem distanciamento seguro entre os espetadores.

Na apresentação pública, que ocorreu ontem à noite, com dois concertos em simultâneo a partir dos dois locais icónicos que acolherão o Festival, o autarca flaviense, Nuno Vaz, mostra-se confiante e seguro com este “novo formato” do evento, ajustado a esta nova “normalidade” e às regras em vigor, mantendo sempre o seu ADN e a qualidade musical que o caracterizam, sempre em extrema segurança.

Com uma lotação extremamente limitada, esta edição está a ser produzida dentro dos limites legais, com um vínculo direto com as autoridades de saúde e a Unidade de Saúde Local, elaborando um plano de contingência rigoroso e exaustivo que ambiciona ser referência de boas práticas na região Norte. Com parecer favorável da DGS e selo Clean&Safe, estão reunidas todas as condições para uma viagem segura.

De forma a assistir aos concertos do Festival N2, o público terá que possuir bilhetes válidos, sendo que o bilhete é valido por sessão/concerto e poderá ser adquirido a partir de meio da próxima semana em www.festivaln2.pt

Menu