Hélder Amaral preocupado com a contratação de enfermeiros para o CHTMAD

O deputado do CDS-PP, Hélder Amaral, através de uma pergunta enviada a Ministra da Saúde, solicitou a confirmação relativa ao facto de duas enfermeiras, que estava em mobilidade na unidade de cuidados na comunidade Lamego, do agrupamento de centros da saúde entre (AGES) do Douro II – Douro Sul, terem sido notificadas para regressar ao Centro Hospitalar de Trás-os-Montes e Alto Douro (CHTMAD).

Pois a ausência de uma das enfermeiras, que é especialista em reabilitação e em cuidados no domicílio, prejudicou 18 utentes com mobilidade muito reduzida, porque agora já não têm acesso a esses cuidados.

“O CDS-PP entende que a falta destas duas profissionais prejudica toda a região do Douro Sul e, em particular, os conselhos diretamente afetados entende que a falta destas duas profissionais prejudica toda a região do Douro Sul, tanto mais que se trata de uma região interior constituída por populações frágeis e desfavorecidas”, adiantou o CDS-PP em comunicado.

Para piorar a situação, segundo um responsável do Sindicato dos Enfermeiros Portugueses, o CHTMAD não está até à Lapa autorizada contratar dois enfermeiros para substituir esta lacuna, o retira o acesso a cuidados às localidades de Lamego e São João da Pesqueira.

Menu