Mesão Frio: assinado contrato para reforçar iluminação pública LED no concelho


No passado dia 18 de junho, pelas 10 horas, foi assinado o contrato de empreitada para a instalação de iluminação pública LED, nas freguesias que ainda não beneficiam, na sua totalidade, desta importante medida de sustentabilidade energética e financeira para o município. Oliveira, Vila Marim e Mesão Frio – Santo André são as três freguesias agora contempladas. O projeto visa a substituição das luminárias de vapor de sódio, por 1640 luminárias LED, resultando numa poupança anual, para a autarquia, em mais de 23 mil euros. O investimento desta intervenção é de 207.400 euros + IVA, comparticipada por fundos comunitários.

O contrato assinado entre o Município de Mesão Frio, na pessoa do seu presidente, Alberto Pereira e a empresa Cunha Bastos, Lda., com sede em Viana do Castelo, destina-se à remodelação da rede de iluminação pública no concelho e à concessão racional de energia sem prejuízo da sua qualidade, com menor impacto ambiental e económico e visa proporcionar melhores condições de visibilidade e de segurança, especialmente para os moradores.

Alberto Pereira, presidente da Câmara Municipal, considera que “este é mais um momento importante para a sustentabilidade financeira do município de Mesão Frio, que inclui a redução significativa dos encargos anuais com a iluminação pública e uma maior eficiência energética ao reduzir, consideravelmente, as emissões de carbono”.

A autarquia mesão-friense continua empenhada numa estratégia de sustentabilidade financeira e energética, com a instalação progressiva de iluminação pública LED em vários pontos do concelho.

Menu