Mondim de Basto investe mais de dois milhões de euros em saneamento

O Município de Mondim de Basto já formalizou a assinatura do contrato para a execução da empreitada de ampliação da rede de saneamento da freguesia de S. Cristóvão de Mondim de Basto.
Esta obra, entregue por concurso público ao consórcio das empresas Higino Pinheiro & Irmão, S.A. e Ovava Engenharia, Lda, representa um investimento de 2.143.889,00 euros, comparticipado em 85% pelo Programa Operacional, Sustentabilidade e Eficiência no Uso de Recursos (POSEUR).


O aumento da cobertura da rede e a construção de estações elevatórias vão permitir o encaminhamento das águas residuais urbanas da freguesia para tratamento.

A intervenção propõe a eliminação das fossas séticas existentes, que constituem uma fonte de poluição dos solos e das massas de água, reduzindo os efeitos nocivos sobre a massa de água do Rio Tâmega e contribuindo para melhorar o seu estado ecológico.

Esta solução fará aumentar a acessibilidade física do serviço de saneamento de águas residuais, contribuindo para uma maior equidade no direito de acesso a este serviço público estruturante e para a melhoria da saúde pública.

A obra deverá iniciar ainda este verão, depois de cumpridos todos os prazos legais.

Este investimento vai duplicar a taxa de cobertura do concelho em saneamento básico. É intenção do executivo chegar ao fim deste mandato com uma taxa de cobertura de 75%.

Menu