Montalegre: detido por posse ilegal de armas de fogo em processo de violência doméstica


O Comando Territorial da GNR de Vila Real, através do Posto Territorial de Montalegre e do Núcleo de Investigação Criminal (NIC) de Chaves, ontem, dia 28 de maio, deteve um homem, de 34 anos, por posse ilegal de armas de fogo, no concelho de Montalegre.

No âmbito de um processo de investigação pelo crime de violência doméstica, onde o indivíduo ameaçava a ex-companheira, de 31 anos, foi dado cumprimento a três mandados, um de busca domiciliária, um de detenção para primeiro interrogatório e um de busca em veículo que permitiram apreender armas de fogo para as quais o suspeito não tinha licença de uso e porte de arma, tendo sido apreendido o seguinte: uma arma de caça; uma arma de ar comprimido; 93 munições.

O detido foi presente ao Tribunal Judicial de Montalegre onde lhe foi aplicada a medida de coação de termo de identidade e residência e proibição de se aproximar da vítima num raio de 500 metros.

No mesmo dia e no mesmo concelho, foi dado cumprimento a outro mandado de busca domiciliária, na sequência de uma investigação por violência doméstica, onde o homem, de 71 anos, ameaçava e coagia a sua mulher de 70 anos. Foi apreendida uma pistola, sete munições e uma faca. O homem foi constituído arguido e o factos remetidos para o Tribunal Judicial de Montalegre.

Menu