Município de Sabrosa no topo das câmaras financeiramente cumpridoras


Segundo o relatório do Conselho das Finanças Públicas (CFP) sobre a execução orçamental da administração local em 2019, o Município de Sabrosa registou, no último trimestre de 2019, um Prazo Médio de Pagamento (PMP) de 0 (zero) dias.

Nos trimestres anteriores de 2019, nomeadamente no primeiro trimestre o PMP situou-se nos 3 (três) dias e no segundo e terceiro situou-se nos 2 (dois) dias, respetivamente.

Com a divulgação destes dados pelo CFP, a Câmara Municipal de Sabrosa faz parte dos municípios que têm um PMP inferior a 3 (três) dias o que evidencia um papel de destaque neste âmbito, e que vem reforçar a política definida pelo atual executivo camarário, que tem desenvolvido um enorme esforço para manter as boas finanças do município, assente em critérios bem rigorosos e de boas práticas públicas.

O Presidente da Câmara Municipal de Sabrosa, Domingos Carvas, refere que “estes dados deverão ser encarados com orgulho, sendo o resultado de um enorme esforço e de uma gestão responsável por parte de todos, que nos permite ter uma Câmara Municipal com uma boa saúde financeira e com disponibilidade para continuar a incentivar toda a economia local. É também um indicador da preocupação que este executivo tem revelado em ser bom pagador, assente no respeito pela celeridade no pagamento aos nossos fornecedores”.

De salientar que estes resultados são o consolidar de uma trajetória descendente do PMP, iniciada já em 2017, que permitiu, à data, iniciar a descida dos valores registados no final de 2016 em que se situavam nos 22 (vinte e dois) dias.

Menu