Peso da Régua: requalificação da Casa do Cantoneiro

Cada vez mais o turismo é encarado como a “vindima permanente do Douro”, pelo que devem ser criadas condições que nos permitam afirmar como destino de preferência em Portugal. A obra de recuperação da antiga Casa do Cantoneiro, na Ponte Metálica, enquadra-se nesta estratégia.

A pandemia levou à reprogramação do prazo de execução da obra, prevendo-se, no entanto, que a mesma fique concluída em breve. A intervenção em curso permitirá a instalação de um Centro Interpretativo e de um albergue, que funcionará no âmbito do Caminho de Santiago.

O equipamento será dotado de condições capazes de assegurar uma experiência turística inclusiva para pessoas portadoras de necessidades especiais ao nível da visão, da audição e motoras. Na parte inferior do edifício serão instalados sanitários públicos, em substituição dos que funcionam atualmente no largo 25 de abril, potenciando, dessa forma, a vocação desse largo para cerimónias, conferindo-lhe maior dignidade.

Menu