PSD: candidatura de Luís Tão a Vila Real foi votada por unanimidade

Luís Tão, empresário de 57 anos, foi o nome escolhido pela Comissão Política Concelhia do PSD de Vila Real para encabeçar a lista às próximas Eleições Autárquicas. 

Num processo que decorreu com celeridade, até ser aprovado pelas estruturas do partido, Luís Tão afirmou, num programa do site Diário de Trás-os-Montes, do passado dia 28 de março, que a escolha foi aprovada por unanimidade pela concelhia local. 

O candidato, que irá encabeçar a lista do PSD a Vila Real, adiantou que não há, para já, outros nomes ou ideias para a candidatura. “Ainda estamos no início, ainda não há nomes além do meu, nem ideias… É um pré-início de candidatura. Tudo isto é muito recente, o meu nome foi aprovado por unanimidade na concelhia e dias depois a distrital pronunciou-se favoravelmente”, sublinhou Luís Tão.

Natural de Vila Real e licenciado em Engenharia Mecânica pela Faculdade de Engenharia da Universidade do Porto, o candidato social-democrata foi presidente da NERVIR – Associação Empresarial de Vila Real, entre 2011 e 2019.

Numa curta declaração mo programa “Opinião Transmontana”, centrado no tema da interioridade, Luís Tão declarou, ainda, que nas funções que desempenhou, sempre lutou pela defesa do interior. “Nas minhas funções como presidente da NERVIR, mas também na CIP, a defesa do interior sempre foi uma batalha muito grande. Lidei com associações empresarias, do norte a sul, e com diversos políticos, e percebi o desinteresse total que há pelo interior”, disse.

De referir que Luís Tão exerceu os cargos de vice-presidente da CIP – Confederação Empresarial de Portugal e vice-presidente da AICEP – Agência para o Investimento e Comércio Externo de Portugal, até 2019. É atualmente vice-presidente da direção da Associação Douro Histórico, com sede em Sabrosa.

Menu