RESINORTE lança ações de sensibilização para os programas de ocupação de tempos livres

No âmbito da sua estratégia de comunicação e sensibilização ambiental, a RESINORTE acaba de lançar ações de sensibilização direcionadas para os programas de Ocupação de Tempos Livres dos municípios da sua área de intervenção.

Estas ações de sensibilização têm como objetivo reforçar, junto da comunidade jovem, o papel da reciclagem e alertar para a importância da correta separação dos resíduos urbanos.

Com a utilização de jogos didáticos alusivos ao tema, é assim fomentado o espírito participativo e crítico dos participantes, mudando e alertando consciências para os problemas ambientais que afetam o nosso planeta. As temáticas apresentadas nesta iniciativa assentam na Redução, Reutilização e Reciclagem, substituindo o conceito de fim de vida pelo de economia circular.


A RESINORTE é responsável pelo tratamento e valorização de resíduos urbanos de 35 municípios do norte central: Alijó, Amarante, Armamar, Baião, Boticas, Cabeceiras de Basto, Celorico de Basto, Chaves, Cinfães, Fafe, Guimarães, Lamego, Marco de Canaveses, Mesão Frio, Moimenta da Beira, Mondim de Basto, Montalegre, Murça, Penedono, Peso da Régua, Resende, Ribeira de Pena, Sabrosa, Santa Marta de Penaguião, Santo Tirso, São João da Pesqueira, Sernancelhe, Tabuaço, Tarouca, Trofa, Valpaços, Vila Nova de Famalicão, Vila Pouca de Aguiar, Vila Real e Vizela.

A Resinorte serve uma população de aproximadamente 1 milhão de habitantes e recebe para tratamento aproximadamente 350 mil toneladas de resíduos urbanos por ano

Menu