UTAD suspende todas as atividades letivas até 27 de março

A Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro (UTAD) decidiu suspender todas as atividades letivas com efeito a partir de quinta-feira, dia 12 de março, na sequência do surto do novo Coronavírus. A suspensão vai prolongar-se até 27 de março.

Através de comunicado, a UTAD informou que o “clima de incerteza e de alarme social instalado, que tem vindo a afetar o normal funcionamento da Universidade, levou à “suspensão de todas as atividades letivas presenciais, com efeitos a partir de 12 de março”, assim como a “suspensão do funcionamento de bibliotecas e salas de estudo, das atividades desportivas e outras promovidas por entidades externas no campus”.

Não obstante, a academia admite a “continuidade do processo de ensino-aprendizagem, mediante a implementação pelas Escolas de instrumentos alternativos de ensino” e a “continuação do apoio aos estudantes residentes, mantendo em funcionamento a cantina Além Rio, e para apoio ao campus os bares do Complexo Laboratorial e do polo I da ECHS. “

Além disso, a UTAD recomenda que os estudantes que se encontram instalados nas residências com possibilidade de regressar temporariamente ao seu domicílio, devem fazê-lo, minimizando os contactos interpessoais e respeitando as recomendações da Direção Geral de Saúde.

Por fim, o comunicado informa que “a Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro tem vindo a acompanhar a evolução da situação de propagação da COVID-19 e as recomendações e determinações das autoridades de saúde locais e nacionais”.

Menu