Utente da Misericórdia de Mesão Frio comemorou 100 anos de vida


Pela primeira vez, na história mais recente da Santa Casa da Misericórdia de Mesão Frio, uma utente comemorou 100 anos de vida. Ermelinda Conceição chegou, no passado dia 13 de junho, ao capítulo 100 da sua existência, tendo exercido, durante toda a sua vida ativa, os ofícios de empregada doméstica e ama. Foi com forte alegria e emoção, que os elementos da Mesa Administrativa da IPSS mesão-friense, o Provedor e também Presidente da Câmara Municipal, utentes, funcionários da ERPI (Estrutura Residencial para Idosos) e a Direção participaram na festa que assinalou o seu centésimo aniversário. Solteira, natural de Peso da Régua, a viver na estrutura residencial da freguesia de Barqueiros há sensivelmente três anos, Ermelinda Conceição continua a cumprir os seus rituais de beleza e asseio, sendo caracterizada como uma Senhora que sempre gostou de se arranjar.

Não fosse a recente demência que se apoderou do seu estado de saúde e a tornou mais débil nos últimos tempos, fruto da idade avançada, Ermelinda tem sido, até esta parte, uma utente que gosta de conversar e de conviver com os seus colegas. Para assinalar a sua vida bastante preenchida, o aniversário foi comemorado com pompa e circunstância, porém, com todas as medidas e restrições que o momento excecional da pandemia exige. Ermelinda foi arrebatada pela festa surpresa e pela videochamada de uma amiga que, na impossibilidade de estar presente, juntou-se ao grupo para lhe cantar os parabéns. À dona Ermelinda, o Município de Mesão Frio endereça as maiores felicidades, congratulando-se com o seu longo e realizado percurso de vida e faz votos para que no próximo ano, possa repetir a proeza de celebrar os seus 101 anos de vida.

Menu