Vila Real: BE preocupado com retirada da cidade da Zona Especial de proteção


O Núcleo concelhio do Bloco de Esquerda de Vila Real, através de um comunicado, mostrou-se preocupado com a retirada da cidade de Vila Real da Zona Especial de Proteção relativa à Região Demarcada do Douro. 

Nesse documento, o Bloco de Esquerda (BE) realça que, “há poucas semanas, o presidente da Câmara Municipal de Vila Real expressou a vontade de avançar com a retirada da cidade da Zone Especial de Proteção, uma vez que existem algumas dificuldades relacionadas com os pareceres a que o munício está obrigado”. Essa decisão preocupa o Bloco de Esquerda, “uma vez que deixam de ser necessários uma avaliação e um parecer da Direção Geral do Património Cultural (DGPC), e da Direção Regional de Cultura do Norte (DRCN)”. “Não se compreende a posição da autarquia em querer desvincular a Cidade de Vila Real da Zona Especial de Proteção do Alto Douro Vinhateiro, (…) alegando a morosidade dos processos administrativos, quando, no passado dia 18 de junho, as redes sociais da autarquia destacavam a celeridade de resposta a processos de urbanismo”, escreveu o BE, acrescentando que “não é compreensível para o Bloco de Esquerda, nem para os Vila-Realenses, a autarquia ter como objetivo desvalorizar o Douro Património Mundial, “marca” reconhecida internacionalmente como valor económico importante para o desenvolvimento regional e que, neste caso concreto, é uma “marca” de todas e todos os durienses que habitam e constroem diariamente esta paisagem património mundial”. 

Menu