Bispo de Vila Real em visita pastoral à paróquia de Guiães

Decorreu, nos dias 14, 15 e 16 de fevereiro, a tão aguardada visita pastoral de D. António Augusto, Bispo da Diocese de Vila Real, à paróquia de Guiães. A sua vinda foi motivo de grande festa e alegria para toda a comunidade, esta, que de braços abertos acolheu afavelmente o seu Pastor.

Recebido no dia 14 à tarde na Igreja Matriz pelo pároco, o Reverendo Pe. Fernando Monteiro, o Senhor Bispo realizou visitas à Junta de Freguesia, ao Centro Social da Associação “Guiães em Movimento”, e às Capelas dedicadas ao Mártir S. Sebastião, Nossa Senhora do Loreto e Nosso Senhor dos Aflitos. O primeiro dia ficou marcado essencialmente pela amável e carinhosa visita aos doentes e idosos da Paróquia e pela celebração da Eucaristia ao final da tarde, com a administração do Sacramento da Unção dos Enfermos.

O segundo dia, sábado, foi direcionado para os Jovens! Realizou-se inicialmente um encontro com as Crianças da Catequese e respetivos Pais e Catequistas e de seguida um encontro particular com os 30 Crismandos, seus pais e padrinhos, e também com o Magnificat – Grupo de Jovens de Guiães. Ao terminar o dia todos foram presenteados com um lanche/convívio onde a presença simpática e próxima de D. António foi cativante na confraternização.

O ponto alto da visita pastoral aconteceu no domingo, dia do Senhor. D. António foi acolhido no Largo do Eirô pela comunidade, com mensagens de calorosas boas-vindas. De seguida, rumou-se em Procissão até à Igreja Matriz, onde aí se celebrou a Santa Missa, animada musicalmente pelo Grupo de Jovens, e foi administrado o Sacramento da Confirmação aos 30 jovens, preparados sob orientação de Sérgio Pires ao longo de semanas… Com ele, aprofundaram a fé, e prepararam os seus corações para compreender e receber o Espírito Santo, dom de Deus. Os jovens, comprometeram-se assim a serem portadores do amor de Deus, e a serem sal da terra e luz do mundo. Com eles, é toda a paróquia de Guiães que se sente confirmada na verdadeira fé católica e apostólica. No final da celebração houve tempo para o registo da fotografia oficial para memória futura, e de seguida decorreu o almoço que deu por encerrada a visita pastoral. Toda a paróquia está de parabéns pelo envolvimento e unidade alcançada ao longo de toda a preparação, mas principalmente pela forma como se viveram estes dias. Que este acontecimento seja sinal de renovação, e que animados pelo Espírito Santo sejamos capazes de construir uma comunidade e uma sociedade melhor em conjunto.

Menu